Alimentação, um dos fatores de risco para endometriose

Atualizado: 28 de jun.

A endometriose é uma doença inflamatória provocada por células do endométrio (tecido que reveste o útero) que, em vez de serem expelidas durante a menstruação, se movimentam no sentido oposto e caem nos ovários ou na cavidade abdominal, onde voltam a multiplicar-se e a sangrar.


Atinge cerca de 15% das mulheres em idade fértil de todo o mundo, segundo a OMS.


O problema é que ela pode se desenvolver para quadros mais graves, podendo ocasionar, por exemplo, a infertilidade.


Muitos estudos científicos de endometriose apontam que ter uma dieta balanceada, rica em vitaminas e minerais, é essencial para manter o equilíbrio hormonal do corpo feminino.


Essa relação ocorre porque a endometriose é uma doença estrogênio-dependente, o que significa que os níveis desse hormônio no organismo podem interferir na progressão da doença.


Para a mulher que sofre de endometriose, manter o intestino funcionando regularmente é essencial para amenizar o quadro de dor.

Portanto, investir no consumo de fibras, através da ingestão de frutas e cereais integrais, é indispensável. , as fibras ajudam a manter o ritmo do trânsito intestinal.




3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo